#15 – Quem a Pública deve entrevistar?

Voting has ended.

Chegou a hora dos Aliados da Pública escolherem quem a gente vai entrevistar!

Há muitos temas atuais que podem render boas conversas: marco temporal para a demarcação de terras indígenas, estratégias de vacinação e retomada de atividades em meio à disseminação da variante delta do coronavírus, a crise no Afeganistão, mais uma escalada de ataques autoritários do presidente Bolsonaro, os atos de 7 de setembro e suas repercussões…

Mas não precisa se limitar a esses assuntos. No fim, quem escolhe sobre o que vamos falar é você.

Todos os Aliados podem votar para escolher quem vamos entrevistar até quarta-feira, 15/9, às 23h59.

Dúvidas? Problemas para participar? Mande um email para aliados@apublica.org. Enquanto isso, você também pode conferir as edições anteriores das Entrevistas dos Aliados.

Apenas aliados podem votar.

Oscar Vilhena, diretor da Escola de Direito da FGV

Constitucionalista ligado aos direitos humanos (Conectas), ele pode esclarecer o marco temporal e a constitucionalidade da eventual lei resultante do PL 490

0.9%

Alex Cardoso, do Movimento Nacional de Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR)

Alex é um catador, militante do MNCR e, desde 2018, estudante de ciência sociais da UFRGS. Em 2021, lançou um livro sobre sua trajetória, que é uma fonte de inspiração e esperança.

12.5%

Francirosy Campos Barbosa, antropóoga

Coordenadora do GRACIAS – Grupo de Antropologia em Contextos Islâmicos e Árabes, pode dar maior esclarecimento sobre a situação da mulher no Afeganistão, durante a ocupação e as previsões num futuro governo do Talibã.

6.3%

Wagner Giron de La Torre, Defensor Público

Gostaria de ouvir as colocações dele sobre racismo ambiental.

0.9%

Leonardo Avritzer, cientista político

Ele é professor titular da Departamento de Ciência Política da UFMG, pode falar sobre continuidade dos ataques às instituições e a passividades destas últimas.

0%

João Cezar de Castro Rocha, professor de literatura da UERJ

Professor Titular de Literatura Comparada da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).

1.8%

José Dirceu, político e ex-ministro da Casa Civil

Sou admirador da sua trajetória mas não entendi as caras consultorias externas que ele fez durante os governos petistas.

1.8%

Joenia Wapichana, deputada federal (sugerido 2 vezes)

Gostaria de ouvi-la falar sobre a situação dos indígenas no Brasil. Não apenas sobre o Marco Temporal, mas o que ela considerar também importante e que tem sido pouco mencionado. Além disso, ouvir suas histórias sobre sua luta pelos direitos dos povos originários.

19.6%

Paulo Ghiraldelli, filósofo

Uma das poucas pessoas que entendeu o que vem acontecendo no Brasil e no mundo no cenário político e social.

1.8%

Alexandre Chieppe, secretário estadual de saúde do RJ

Gastos com um Hospital desativado (HETM) em Venda das Pedras, Itaboraí (RJ). No passado o local funcionou como colônia para doentes de hanseníase.

0.9%

Randolfe Rodrigues, senador

Entender como são as pressões da extrema direita sobre os componentes da CPI da pandemia.

7.1%

Jacqueline Muniz, Profª do Departamento de Segurança Pública UFF

Especialista na relação entre militarismo e sociedade. Sua visão sobre o atual momento e a possibilidade de inclusão da PM em um possível golpe do governo federal é essencial.

4.5%

Paulo Artaxo, cientista líder do IPCC no Brasil

Com o novo relatório do IPCC, a crise hídrica no Brasil, as queimadas, e a chegada da COP26, o professor tem muito a contribuir sobre os cenários futuros para o Brasil nestes temas

4.5%

Carlos Marés, jurista e advogado

Professor titular de Direito Socioambiental da UFPR, e uma das maiores autoridades em Direito Indígena em nosso país, foi presidente da FUNAI na Democracia, e foi um dos advogados que fez defesa contra a tese do marco temporal no STF em uma belíssima intervenção.

1.8%

Apolinário Passos, programador e comunicólogo

Criador do Dashboard de disponibilidade de vacinas contra a COVID-19 no Brasil. Gostaria de ouvir sobre visualização de dados, transparência governamental e do processo de criação do site https://apolinar.io/vacinas/

0.9%

Davi Kopenawa Yanomami, liderança indígena

Temos no Brasil inúmeros povos que, há milênios, vivem em total integração com a natureza. Rever nossas epistemologias é urgente! Seria muito bom aprender com o sábio xamã Davi.

21.4%

Ciro Gomes, político e ex-governador do Ceará

Ciro tem muito a falar sobre economia, infraestrutura e o perigo de uma escalada autoritária do governo Bolsonaro.

0.9%

Fabiano Contarato, senador

Policial e professor de Direito, poderá discorrer sobre os crimes de ação e omissão de Bolsonaro contra a probidade administrativa, o decoro e, especialmente, no quadro da Pandemia.

7.1%

Marcelo Pimentel, Coronel da Reserva do Exército

Ele já foi entrevistado pelo Cláudio Couto e pelo Bob Fernandes. Gostaria que pudesse descrever e detalhar a estratégia do "partido militar" por trás de Bolsonaro.

2.7%

Luiz Carlos Dias, Professor Titular do Instituto de Química da UNICAMP

Tem histórico e intenso envolvimento da desmistificação de falsos remédios apresentados à população como panaceias, desde MUITO ANTES do aparecimento da atual pandemia. Sua atuação, portanto, não provém de motivações políticas, mas sim da vontade de esclarecer a população, tendo por base os melhores conceitos científicos atuais, conceitos estes que evoluem ao longo do tempo.

2.7%
10 comentários
  1. Gislene de Lima Kamp
    Gislene de Lima Kamp
    16/09/2021 at 18:01

    Queridas e queridos da Pública,

    admiro muito vocês, mas vejo um grande défict aí nas indicações de entrevistados. Sei que o julgamento do Marco Temporal é o maior da história, eu própria como jornalista, tb abordei esse tema no meu programa de rádio aqui na Alemanha, mas senti muito falta de ter na lista um ECONOMISTA ou um ESPECIALISTA EM JUSTIÇA TRIBUTÁRIA. O Brasil está na véspera de votar uma reforma tributária de fechada, uma reforma que vai deixar passar – mais uma vez – a oportunidade de taxar grandes fortunas, de taxar os especuladores que não produzem nada e só sentam sobre as fortunas que têm aplicados. Perdoem-me se perdi reportagens que vocês tenham feito sobre o tema em edições anteriores, mas me chamou a atenção esse lista não ter algum dos poucos economista que defendem justiça social através da tributação justa.
    Um abraço a vocês,
    Gislene Lima

    • Luana Sandes
      Luana Sandes
      13/09/2021 at 18:24

      Olá, Glauco. Te enviamos um email para resolver a questão, pode verificar?

  2. Sofia Alves
    Sofia Alves
    10/09/2021 at 16:56

    Não estou conseguindo votar, qual será o problema?

    • Luana Sandes
      Luana Sandes
      13/09/2021 at 18:23

      Oi, Sofia. Te enviamos um email, pode verificar?

  3. Adalberto B.M.S. Bassi
    Adalberto B.M.S. Bassi
    02/09/2021 at 19:02

    Sugiro entrevistar Luiz Carlos Dias, Professor Titular do Instituto de Química da UNICAMP e Membro Titular da Academia Brasileira de Ciências, devido ao seu histórico e intenso envolvimento da desmistificação de falsos remédios apresentados à população como panaceias, desde MUITO ANTES do aparecimento da atual pandemia. Sua atuação, portanto, não provém de motivações políticas, mas sim da vontade de esclarecer a população, tendo por base os melhores conceitos científicos atuais, conceitos estes que evoluem ao longo do tempo.

    • Giulia Afiune
      Giulia Afiune • Post Author •
      09/09/2021 at 15:55

      Obrigada pela sugestão, Adalberto! Incluí o nome do Luiz Carlos Dias na enquete.

  4. Umberto Abrozino
    Umberto Abrozino
    02/09/2021 at 18:42

    Francirosy Campos Barbosa, a professora da USP conhece muito a questão de gênero no mundo muçulmano. Ela poderia falar de “feminismos”, não como uma pauta exclusiva do mundo Ocidental.

    Ailton Krenac para falar sobre o Marco Temporal.

Deixe seu comentário